Contabilidade para empresas de Brasília e DF: como escolher

Quando se escolhe um escritório contábil, seja para começar um negócio ou para trocar de prestador, alguns critérios precisam ser levados em conta para que a decisão se mantenha no longo prazo, já que trocar de escritório gera trabalho adicional e pode desorganizar o negócio por algum tempo.

Então, se você está pesquisando opções de contabilidade para empresas de Brasília e DF, precisa acompanhar este post até o fim, que irá ajudá-lo a tomar a melhor decisão para seu empreendimento, podendo fazer até o retorno obtido sobre o investimento nos serviços contratados ser melhor.

Conhecimento da legislação local

Como qualquer outra região, o Planalto Central também conta com suas regras e legislações específicas para abertura e funcionamento de empresas. Além disso, DF e Brasília ainda possuem exceções em comparação com demais localidades brasileiras, como o layout da nota de serviços, que somente nessa região segue o padrão nacional da nota de venda de produtos.

Por isso, uma contabilidade para empresas de Brasília e DF precisa estar a par de todas essas peculiaridades legais da região. E isso pode ser verificado, por exemplo, no site do escritório, observando se ele já atende negócios dessas localidades ou deixa claro que conhece a legislação e as especificidades, como você pode ver nos conteúdos que postamos em nosso blog.

Especialização em segmento e tipo de empresa

Outro fator importante é o segmento e o tipo de empresa aos quais o escritório dá atenção. Por exemplo, se você tem uma prestadora de serviços pequena, uma contabilidade que atende mais comércios, indústrias ou empresas de grande porte em geral pode não ter profissionais preparados para lidar imediatamente com os aspectos legais e as necessidades de um negócio pequeno de serviços.

Existem alguns impostos em comum entre empreendimentos de portes diferentes e atividades de serviços, comerciais e industriais. Por outro, há tributos específicos que somente incidem sobre uma ou outra atividade e declarações que determinados negócios precisam entregar, enquanto outros não. Daí a importância de o escritório entender os processos de rotina dos clientes conforme suas atividades e seus tamanhos.

Portfólio de serviços

O pensamento de contratar profissionais contábeis para apurar impostos e entregar declarações ainda existe. Mas é possível, e sem altos custos, contar com um escritório contábil para muito mais do que isso, inclusive para que ele auxilie na gestão e no crescimento da empresa.

Por exemplo, a contabilidade colaborativa é um serviço no qual o profissional contábil destacado para atender à empresa compartilha informações e ferramentas de controle e gestão com o empresário, ajudando também na análise de números da gestão financeira.

Outra possibilidade é a de terceirizar todo o setor financeiro junto à terceirização do trabalho contábil. Essa terceirização conjunta coloca as rotinas administrativas e contábeis nas mãos de especialistas em ambos os setores, tornando a empresa mais enxuta (com menos funcionários e custos). E a contabilidade colaborativa pode ser aliada à essa dupla terceirização, até porque o escritório já trabalhará com todos os dados que precisa para fazer análises e auxiliar o gestor na tomada de decisão.

Infraestrutura de tecnologia

Cada vez mais é importante que as empresas se modernizem e atentem a boas e novas práticas para suas atividades. Isso também vale para as empresas contábeis, que dia a dia processam enorme quantidade de dados, lidam com sistemas legais e precisam transmitir documentação ao Fisco sem perder prazos.

Se possível, procure conhecer a tecnologia utilizada pelo escritório e saber se a sua empresa também terá acesso a ela, ou será totalmente passiva na gestão contábil. E verifique se ele não oferece outras soluções, como integrações para sistemas de gestão e financeiros. São possibilidades que podem ajudar seu negócio a automatizar tarefas internas, legais e administrativas, reduzindo o volume de trabalho nessas áreas.

Atendimento

Desde o primeiro contato, para conhecer melhor o escritório ou solicitar informações, perceba se os profissionais se mostram disponíveis e interessados, se buscam tirar todas as dúvidas possíveis e se estão alinhados às necessidades do seu tipo de empresa. Também procure saber quais são todos os canais de comunicação que estarão à sua disposição e em quais horários.

Pode parecer que é um fator de menor importância, que só é observado porque todo mundo quer ser sempre bem atendido por prestadores. Mas, no caso do atendimento contábil, uma resposta insuficiente ou muito demorada pode permitir que o empresário cometa um erro e seja multado pelos órgãos de fiscalização.

Facilitação do trabalho interno

Um dos fatores mais esquecidos na pesquisa por escritórios, muitas vezes até ignorado, é a capacidade que o prestador tem de facilitar o trabalho interno da empresa e sua burocracia.

Por exemplo, mensalmente é preciso enviar documentos ao contador, o que pode ser facilitado com tecnologias que tornam esse trabalho mais fácil e rápido, ou até mesmo automatizado na comunicação entre o escritório e a empresa.

Os serviços adicionais de portfólio também facilitam em muito trabalhos internos da empresa, como a contabilidade colaborativa, que ajuda o gestor a analisar suas finanças, ver oportunidades e se adiantar a possíveis dificuldades. Já a terceirização do financeiro tira processos de todo um setor de dentro do negócio, deixando menos responsabilidades internas e reduzindo custos de contratação de funcionários e ferramentas.

Afinal, atualmente a contabilidade não precisa, e nem pode, ser somente uma fonte de custos, um mal necessário para cumprir com obrigações legais pagar impostos.

E se você quer uma boa contabilidade para empresas de Brasília e DF, que atenda a todos os critérios que abordamos neste texto, pode agir imediatamente entrando em contato conosco e contando sobre seu negócio e os serviços que necessita.

Deixe uma resposta